Liderança X Gestão

Todo profissional durante sua carreira almeja atingir os mais altos graus hierárquicos de sua profissão. Para tal, se esforça e mantém competente para alcançar seu objetivo.


Alguns quando são promovidos a líder se esquecem que devem se atualizar constantemente e buscar as competências necessárias para este novo nível de sua carreira.


Ingenuamente acreditam que se houve a promoção naturalmente a organização identificou que este já possui tudo o que é necessário e esperado para o cargo.


O tema de hoje propõe reflexões para que o você seja um verdadeiro Líder.


As principais características que se espera obter de um líder são apresentadas abaixo. Proponho algumas reflexões necessárias para aqueles que ainda não sabem se são (ou podem ser) líderes eficientes:


1) Ser qualificado:

  • Em tenho e/ou busco a qualificação necessária para gerir o departamento que eu dirijo?

  • Mantenho qualificações superiores às exigências de meu cargo no intuito de poder contribuir para a organização como um todo?


2) Saber delegar:

  • Sei conceder a autonomia necessária aos vários níveis de liderança em meu departamento?

  • Interfiro nas ações de meus subordinados desautorizando os níveis hierárquicos inferiores?


3) Manter um relacionamento imparcial com subordinados:

  • Mantenho relacionamento igualitário entre todos os funcionários de um mesmo nível hierárquico?

  • Dou margem a fofocas e conversas de caráter pessoal, de modo a despertar desconfiança entre os funcionários no ambiente de trabalho?


4) Manter evidências de clareza, sinceridade e transparência na gestão:

  • Tenho ações claras e mantenho evidências de que minha atuação é imparcial?

  • Apresento dados e resultados estatísticos das atividades realizadas?

  • Apresento ações e estratégias para os resultados realizados (sejam eles ruins ou bons)?

  • O que pensam meus subordinados de meu trabalho? Sei ouví-los e aprender com eles? E com os outros departamentos e pessoas superiores ou iguais hierarquicamente a mim?


5) Imparcialidade na solução de conflitos:

  • Fica evidente para meus subordinados que não há preferência por nenhum deles?

  • Minhas ações são baseadas em aspectos pessoais e não em fatos e dados nas soluções de conflito;

  • Meus subordinados me julgam sincero e imparcial?

  • Meus subordinados confiam em mim para solucionar conflitos no departamento que atuo?


6) Capacidade de adaptar-se ao ambiente de trabalho e suas interferências:


  • Reajo positivamente às interferências em meu cenário de trabalho, procurando entendê-las e achar soluções positivas?

  • Prefiro atacar e achar pontos negativos ou culpados para as interferências?


7) Saber reconhecer sabotadores e talentos

  • Sei reconhecer os talentos em meu departamento/ empresa, de maneira imparcial, mesmo que não tenha muita afinidade com determinada pessoal? Aproveito estes talentos?Dou oportunidades ou procuro denegri-los diante aos outros ou para seus superiores para que não se sobressaiam a mim?

  • Sei reconhecer aqueles que querem sabotar minhas diretrizes?


8) Ser dinâmico e proativo:

  • Espero meus superiores, ou outros departamentos me cobrarem ações ou soluções de problemas para poder reagir?

  • Apresento idéias para melhorias de meu departamento?

  • Minhas reuniões somente são realizadas de maneira reativa a alguém ou algum acontecimento negativo?

  • Contribuo positivamente com idéias para outros departamentos?

Os líderes de uma organização, nunca podem perder de vista que foi escolhido pelos seus superiores: Melhorar o departamento que lideram para que a organização alcance os resultados esperados.


Para isto, suas maiores virtudes serão a sinceridade, transparência na gestão e, a acima de tudo, a humildade. Não nos referimos aqui subserviência, mas sim à manutenção de mente e coração abertos para o aprendizado diário.


Arrogância e prepotência não cabem na gestão moderna, os maiores líderes possuem atitudes de reconhecimento de seus erros para iniciar uma nova tentativa por outros caminhos.


Seja positivo, pare com reclamações sobre a empresa, outros profissionais, a vida, ou qualquer outro aspecto, isto não é ético. Apresente dados, fatos, faça por merecer o respeito e conquiste a liderança que a organização espera que você realize.


Ser líder, sobretudo é ser uma pessoa com a qual muitos não sairiam pra beber ou relaxar, mas todos aqueles pensam em melhorar a organização, gostariam de alguma forma de tê-lo em seu departamento.

Em Destaque
Posts Recentes
Busca por Assunto
Siga-nos
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic

TW Consultoria e Engenharia

Av. Paulista, 2300 - Pilotis

Cerqueira César - São Paulo - SP

CEP 01310-300

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • LinkedIn Clean

© 2021 - TW Consultoria e Engenharia