Acreditação ISO/IEC 17025: Características e Desafios


Muitas razões podem levar um laboratório a implantar um Sistema de Gestão de acordo com a norma ISO/IEC 17025. Seja por estratégia de crescimento de mercado, adequação a requisitos legais ou de clientes ou simplesmente para valorização da competência associada a marca do laboratório, o fato é que muitos laboratórios iniciam sua preparação e, durante o caminho, percebem que há mais desafios do que poderiam prever inicialmente.


É importante ter em mente que a norma ISO/IEC 17025 não é uma ISO 9001 para laboratórios. É por esta razão que seu título não é “sistema de gestão da qualidade para laboratórios de ensaio e calibração”, mas sim “requisitos gerais para competência de laboratórios de ensaio e calibração”. Isto inclui muito mais do que processos de execução sistemática e gerenciamento de resultados. É necessário também o controle da exatidão e suficiência destes dados, além de uma análise técnica criteriosa de seu conteúdo.


Para implantar um sistema de gestão de acordo com a ISO/IEC 17025:2017, é importante entender duas partes fundamentais de sua estrutura:


  • Requisitos Relacionados ao Trabalho: a conformidade com requisitos técnicos relacionados às atividades de ensaio e calibração é uma premissa para que o laboratório possa operar e, consequentemente, implementar um Sistema de Gestão. Montar um laboratório adequado, com um ambiente sob controle, utilizando equipamentos com a precisão requerida, com pessoal capacitado e controle de processos são passos a serem dados antes de se pensar em gerenciamento de processos.

  • Requisitos Relacionados ao Gerenciamento: Nesta parte se incluem as atividades relacionadas à parte técnica, como o controle de equipamentos, gerenciamento de infraestrutura, garantia da validade, relato de resultados, trabalho não conforme e incerteza de medição, juntamente com requisitos de gestão, como a venda, compras, auditorias, análise de riscos, ações corretivas, controle da documentação e análise crítica dos resultados.


A seção 8 contém requisitos muito conhecidos pelos profissionais de gestão, sobretudo por sua semelhança com a ISO 9001:2015. Mas é nas demais seções que a maioria dos processos de implantação de sistemas de gestão se complica. Para evitar contratempos, recomenda-se que os seguintes passos sejam plenamente verificados antes do início desta empreitada:


  • Apoio técnico: a contratação de uma consultoria para apoio na implantação reduz sensivelmente o tempo de preparação, além de ampliar as chances de sucesso. Consultores competentes entendem as necessidades de cada requisito, e podem manusear os processos internos com o menor impacto possível, mantendo um modelo de gestão adequado tanto ao laboratório quanto ao organismo de avaliação, além de auxiliar nas etapas complexas do processo de acreditação junto a Cgcre/Inmetro, que são de difícil entendimento para quem nunca passou por elas . Seja seletivo em sua escolha, dê preferência a profissionais experientes, e isto certamente irá resultar em um sistema de gestão sem burocracia, e uma auditoria de acreditação muito mais tranquila.

  • Capacitação interna e retenção de talentos: a seleção e capacitação de pessoal são determinantes no sucesso da preparação. Mas é importante lembrar que há um grande investimento em competência de pessoas ao implantar os requisitos da ISO/IEC 17025. Então, a capacidade de retenção de talentos no laboratório será a diferença entre obter o retorno adequado ou formar colaboradores para serem contratados por outros laboratórios.

  • Investimento em tecnologia e confiabilidade: a provisão de recursos para a preparação de uma infraestrutura envolve, muitas vezes, o ajuste de instalações do laboratório, aquisição de insumos, equipamentos, padrões, normas de referência, atividades de proficiência e confirmação de competência e sistemas de apoio. A organização deve estar preparada para esta demanda, que normalmente é maior inicialmente, se reduz com o tempo, mas nunca encerra.


Em mais de 20 anos atuando pela TW Consultoria na preparação de laboratórios, todos perceberam uma significativa melhoria ao adequar seu sistema de gestão aos requisitos da norma ISO/IEC 17025. Muitos deles tornaram-se referência em suas organizações e segmentos, e apesar de todos os desafios, a acreditação produziu excelentes resultados.


Dúvidas ou sugestões? Envie uma mensagem para nosso especialista: dtc@twconsultoria.com.br





Em Destaque
Posts Recentes